• (4)
  • (15)
  • (5)
  • (10)
  • (4)
  • (3)
  • (7)
  • (3)
  • (49)
  • (12)
  • (49)
  • (3)
  • (6)
  • (3)
  • (4)
  • (3)
  • (1)
  • (6)
  • (20)

Anuncie também

Anuncie gratiutamente na mais completa seção de classificados off road da web brasileira

Camel Trophy
junho 16, 2020

Camel Trophy

Em abril de 2020 o Camel Trophy completou 40 anos de criação e não podíamos deixar de celebrar a origem do que foi o mais cultuado evento off-road mundial

Se você é jipeiro, mas não sabe o que é o Camel Trophy está com um problema sério. Um off-roader de verdade tem que entender a essência do mais importante evento fora-de-estrada realizado no planeta. Conhecer o que foi o Camel é primordial, mas nós vamos lhe dar mais uma chance. Para quem já sabe o que significa o Camel Trophy, é uma boa oportunidade para relembrar e celebrar os 40 anos de sua criação.

Era abril de 1980, quando três duplas alemãs desembarcaram no Brasil para enfrentar a BR-230, a nossa Transamazônica. Então chamada de Camel Trans Amazonica, a expedição foi feita a bordo de três Jeep Ford e durou 12 dias. Mesmo timidamente, a aventura em terras brasileiras foi o primeiro passo para as 18 edições seguintes, realizadas até o ano de 2000.

Camel Trophy

Em 1981, já com o nome oficial de Camel Trophy, o evento contou com a parceria que mais marcou a história da competição. Novamente, três equipes alemãs participaram. Só que, com a entrada da Land Rover como co-patrocinadora os veículos utilizados foram os Range Rover e a aventura foi na ilha de Sumatra.

As edições que se seguiram contavam com cada vez mais participantes, vindos de diversos países e tornando o evento um sucesso mundial. Em vista do seu grande êxito, a cada ano milhares de pessoas se inscreviam para participar das provas de seleção. Quatro finalistas de cada país eram levados para uma seleção final (normalmente em Eastnor Castle, na Inglaterra), num local onde passavam uma semana de testes intensos, dirigidos por assessores que decidiriam quais seriam os dois finalistas.

A cada ano, os organizadores levavam o Camel Trophy a uma nova rota e sempre procurando encontrar os lugares mais inóspitos da terra. Andreas Bender, co-fundador do Camel, define bem os parâmetros observados ao definir o trajeto dizendo que “tudo o que aparentemente parece ser impossível, alimenta o espírito do Camel Trophy, mesmo quando à custa de muitíssimo suor.”

Essa lógica foi levada ao extremo, no ano de 1985, com a edição de Bornéo. Foi a estreia de equipes brasileiras na prova e mais uma vez o Brasil escreveu sua página. Bornéo marcou a criação de uma nova premiação, o Troféu Espírito de Equipe, e a dupla de brasileiros Carlos Probst e Tito Rosemberg ganhou o prêmio que define muito bem o verdadeiro sentido da realização do Camel Trophy ao longo dos anos.

Camel Trophy

Durante os vinte anos de realização, apenas na primeira e na última edição os competidores não usaram veículos Land Rover. Porém, praticamente todos os modelos da fábrica alternaram a participação sendo possível ver desde os Série III até os modernos Freelander. As regiões também foram variadas, mas as florestas tropicais foram os cenários preferidos da organização.

Enfim, a história do Camel Trophy, uma competição onde a principal meta não é vencer os adversários e sim chegar ao final, mostra o verdadeiro lema do jipeiro, baseado no espírito de equipe e companheirismo para vencer os obstáculos.

Comentários